Espermograma

Espermograma

Também chamada Análise Seminal, é a mais importante fonte de informações para avaliação do homem infértil. Traz dados sobre a produção, algumas propriedades funcionais dos espermatozóides e da função secretora das glândulas acessórias.

Embora o espermograma não seja um teste de fertilidade do homem, ele é muito bom indicador do status funcional dos testículos.

O espermograma como exame inicial da investigação na infertilidade masculina, tem valor clínico e prognóstico adequados na avaliação da probabilidade de gravidez.

Baseado na sua interpretação, podemos distinguir três situações:

  1. Espermograma normal: Sem evidencias de infertilidade.
  2. Qualidade seminal nos limites inferiores da normalidade ou pequenas alterações em um dos parâmetros: possível infertilidade.
  3. Espermograma altera: infertilidade constatada.

Anormalidade Morfológica do Espermatozoide

Em todo o sêmem há espermatozóides com anomalias em percentuais altos. As anomalias são múltiplas e podem se manifestar na cabeça, na peça intermediária e na cauda do espermatozóide.

Espermograma: Morfologia